Inglês em Araçatuba

Como o inglês mudou a minha vida.
Na cidade de Araçatuba, entre 1980 e 1990, a necessidade do inglês não era tão perceptível assim, como é hoje em dia.

Até que um dia recebemos, na igreja que frequentava, uma americana que não falava uma palavra em português.

Ninguém tinha coragem de tentar conversar com ela, mas eu tive. E para minha surpresa eu consegui. Como? Não me pergunte.

Me apaixonei pelo inglês logo na minha adolescência, aos 13 ou 14 anos.

O fato de poder entender as músicas que eu tocava e cantava me fazia querer falar aquele idioma cada vez mais. Isso sem contar os filmes, porque ninguém gosta de legendas.

Então estudei inglês.

Com 16 anos falava inglês fluentemente, e, nessa mesma idade, fui para os Estados Unidos.
Terminei o colegial e, contra minha vontade, voltei ao Brasil.

Minha vida nunca mais foi a mesma.

Ingressei  na faculdade de direito sem saber ao certo o quê realmente queria da vida.

Então lecionei inglês em absolutamente todas as marcas imagináveis de escolas de inglês e até montei o meu próprio curso, na sala da minha mãe, onde tinha uns 30 ou 40 alunos.

Dei aulas de inglês durante 9 ou 10 anos.

Advoguei durante 8 anos para bancos, e nesse período tive que diminuir minhas aulas e, em alguns semestres interrompê-las completamente.

Mas e o inglês, nesse período, estava presente?

Sim. E muito!

Durante minha carreira de direito cursei Direito Internacional do Meio Ambiente na UNITAR, através de uma bolsa de estudos da ONU.

Consegui a façanha porque falava inglês fluentemente.  Afinal, todo o curso era ministrado em inglês.

Fiz outras pós-graduações e em todas elas o inglês se mostrou fundamental.

É interessante lembrar que, durante a faculdade, eu era um excelente aluno.

E quando, finalmente, tive coragem de interromper minha carreira jurídica para mergulhar de cabeça no ensino do inglês, a união dos universos foi crucial para o sucesso e, principalmente, para a coragem.

De um lado, a paixão pelo inglês que perdurava desde a adolescência. De outro, a experiência de trabalhar para grandes empresas como advogado, a excelência exigida pelo mercado financeiro (afinal, era advogado de bancos) e etc.

Haja coragem.

Confesso que a mudança deu um frio na barriga. Abandonar uma carreira sólida, promissora e em ascensão para recomeçar era, no mínimo, arriscado.

Mas o conhecimento, o domínio do inglês me deixava muito tranquilo.

Afinal iria trabalhar com um produto que eu conhecia e gostava muito.

Até hoje, quando encontro antigos professores da faculdade, eles me perguntam se eu sou juiz ou se resolvi seguir a carreira do meu pai de promotor (como disse, era um excelente aluno).

Mas sempre respondo com o maior orgulho: “Não, tenho escolas do Yázigi”.

E até os dias de hoje recebo propostas de trabalho que unem o direito e a fluência do inglês.

Então, posso afirmar que o inglês mudou minha vida!

Deixe o Yázigi mudar a sua vida!

Comentarios fechados

Yazigi Araçatuba - Rua Carlos Gomes, Araçatuba-SP - (18) 3305-6151